Ser é deixar de ser / Espaço Cultural ESPM

977528_4802650466567_1293417936_o

As fotografias de Chana de Moura na exposição “Ser é deixar de ser” são carregadas de um clima onírico, imagens aparentemente deslocadas no tempo, evocam memórias, fantasias em um ar de psicodelia. Um dos principais temas é sua própria imagem solitária em diferentes paisagens. As cenas com uma coloração pouco saturada, nos fazem recordar fotografias em cor feitas há mais de 30 anos, desbotadas no amarelo e cyan, porém não são imagens de arquivos ou álbuns familiares, são fotografias recentes obtidas com negativos coloridos com aplicação de filtros para correção de cor diante das lentes. Embora sejam retratos, o trabalho não se esgota na auto-imagem, as cenas evocam filmes, narrativas românticas que implicam o corpo e a paisagem. Ainda que, segundo Chana, “tudo foi feito de modo muito intuitivo, apenas me vestia escolhia o lugar e ia criar a pose pra ser retratada. No início não havia escolha de figurino, ou um desenho prévio do que eu queria, apenas eu ia fazendo” suas fotografias contém uma dimensão performática e podem ser vistas como foto/performances ou seriam autorretratos ficcionais?

– Elaine Tedesco

Sempre penso que toda arte que faço nada mais é do que o universo da forma que a melhor parte de mim gostaria que fosse: fantasia e possibilidade, e uma tentativa de elevação das coisas simples.
– Chana de Moura

Abertura:
29/05/2013
Das 18:30 às 21:30h

Visitação até 10/08/2013

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: