Rios Voadores / 9ª Bienal do Mercosul de Porto Alegre

Rios voadores são cursos de água atmosféricos, invisíveis, que passam em cima das nossas cabeças transportando umidade e vapor de água da bacia Amazônica para outras regiões do Brasil. Rios voadores são como nuvens migrantes. Elas irrigam plantações, alimentam famílias, levam alegria e bem-estar a habitantes de toda uma nação. Rios Voadores é uma boa metáfora para pensarmos sobre as noções de tempo (por que uma aula tem exatos 50 minutos), espaço (quem disse que aprendemos melhor entre quatro paredes?), colaboração e generosidade nos processos educacionais e artísticos contemporâneos. Sutis, silenciosos, praticamente, imperceptíveis ‘ao meio’, essas propostas são absurdamente potentes no ambiente em que são geradas, normalmente para além do meio – às vezes num ônibus, numa praça, numa ponte ou debaixo de um pé de manga. Como essa pedagogia da invisibilidade pode ser tão potente? Que elementos operam, como se relacionam e atuam essas práticas? De que forma as questões temporais e espaciais podem ser definitivas quando nos referimos à educação? De que utopias estamos falando? Se rios voam, tudo parece ser possível!

Dia 03 de outubro de 2013, 19h, no Centro Cultural Érico Verissímo, R. dos Andradas, 1223 – Centro  Porto Alegre – RS

 

Convidados

María Acaso é professora titula de Educação Artística e diretora da linha de investigação sobre Educação em Museus de Artes Visuais na Faculdade de Belas Artes da Universidade Complutense de Madri. Sua principal linha de trabalho está centrada no desenvolvimento de metodologias pedagógicas inovadoras mediante a possibilidade de descentralizar os processos de geração de conhecimento através da linguagem visual em diferentes contextos educativos, especialmente nos museus e centros de artes visuais, na eduacação básica e no ensino superior. Participou como  pesquisadora convidada nas universidades de Stanford, Harvard, The School of the Arts Institute of Chicago, KHIB (Bergen National Academy of The Arts) e o Museo Getty. Implementou projetos em diversas instituições culturais como La Casa Encendida, Fundación ICO, Fundación Telefónica e Empty, e desenhou programas de formação para educadores para Manifesta 8 e Fundación Telefónica Espanha. Proferiu conferências no New School (NY), Culturgest (Lisboa) e no Museo de Antioquia (Colômbia).

Michel Zózimo é professor de artes visuais e desenvolve doutorado em poéticas visuais na Universidade Federal do Rio Grande do Sul – UFRGS. Em 2012, participou de residência artística no Hangar, Barcelona, pelo prêmio do Programa de Exposições do Centro Cultural São Paulo. Realizou exposições na Temporada de Projetos do Paço das Artes, São Paulo, 2012; Rumos Artes Visuais, Itaú Cultural, São Paulo, Rio de Janeiro, 2011- 2013; Futuro do pretérito, galeria Mendes Wood DM, São Paulo, 2011. Em 2011 foi selecionado entre os 30 finalistas do prêmio Marcantonio Vilaça, 2011-2012 e participou da 3ª Codex International Book Fair & Symposium Borders and Collaborations, The Codex Foundation, São Francisco, EUA. Em 2010, publicou o livro Estratégias expansivas da arte: publicações de artistas e seus espaços moventes, recebendo o prêmio Bolsa de Estímulo à Produção Crítica em Artes Visuais pela Funarte.

GABRIELA BON
Supervisora do Programa Redes de Formação
Núcleo Mediação – Nuvem

9ª BIENAL DO MERCOSUL | PORTO ALEGRE
13 SEPT – 10 NOV 2013
Se o clima for favorável | 

Si el tiempo lo permite |
  Weather Permitting
 
Fundação Bienal de Artes Visuais do Mercosul
Rua Bento Martins, 24 – sala 1201 – Centro 
90010-080 – Porto Alegre – RS, Brasil
Skype: nuvem_ead
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: